skip to Main Content

A ETEL tem como pilar fundamental de sua filosofia a Sustentabilidade, o uso reacional de nossas madeiras e preservação de nossas florestas. Testamos em nossa produção o Cedro da Bela Vista e fomos surpreendidos pela ótima qualidade.

“Nós brasileiros ficamos sempre buscando alternativas à produção madeireira envolvendo espécies com alto valor comercial, principalmente, com espécies oriundas de outros países. Ao longo dos últimos 30 anos algumas investidas foram feitas, sem no entanto estarem comprometidas com a adequada base genética e sempre sem nenhum ganho nos incrementos volumétricos, na resistência às pragas e doenças, como também na qualidade do fuste obtido. Desconheço sucessos nesses empreendimentos, mas sim fracassos e prejuízos a quem plantou. Houve sempre espécies da moda!

Há dois anos conheci o projeto da BELA VISTA FLORESTAL, concernente à produção de mudas clonais de Toona ciliata (cedro australiano). Foi uma boa surpresa! Por uma felicidade muito grande, conseguiram materiais genéticos de diferentes procedências e por árvore matriz dessa espécie através do CSIRO (um departamento de pesquisa da Austrália). Além de estabelecerem uma população base dessa espécie no Brasil, fizeram uma criteriosa avaliação ao longo dos anos e através da clonagem, por enraizamento de estacas, produziram diferentes clones considerando aqueles e outros parâmetros silviculturais. Pela amplitude dos materiais avaliados, eles têm hoje materiais originados de locais com diferentes altitudes e precipitação pluviométrica. Essas condições facilitam ao usuário da muda ver se a sua região poderá contemplar ou não alguns dos clones selecionados.

É um trabalho singular, de grande importância aos produtores de madeira oriunda de reflorestamentos e que se tornou uma significativa referência para a silvicultura brasileira.”

“A aquisição de mudas de qualidade com atestado de procedência é um dos fatores de sucesso em investimentos florestais. Em parceria com universidades a Bela Vista desenvolveu e agora disponibiliza para o mercado mudas clonadas de Cedro Australiano de elevado padrão.”

“A escolha pela Bela Vista Florestal como parceira no projeto de reflorestamento se deu, por percebermos a seriedade, o conhecimento, o espírito empreendedor e inovador de sua equipe.

Fatores estes, que foram confirmados ao longo desta relaçao que já dura 6 anos. Isto nos motivou a entrar em novos projetos, como o plantio do cedro, com o qual temos grande entusiasmo e expectativa de excelentes resultados.”

“As novas espécies florestais que estão sendo trabalhadas no Brasil são grandes promessas de geração de emprego e renda. Para que se tornem realidade, são imprescindíveis pesquisas de melhoramento genético e de manejo florestal que atinjam o domínio tecnológico da cultura. Exatamente o que a Bela Vista Florestal vem fazendo com muito sucesso com o cedro australiano.”

Estamos trabalhando com o cedro australiano Bela Vista há 18 meses. Platamos os clones 1321, 1110 e 1120 para diferentes situações de solo, desde áreas que eram lavouras de café até terrenos de campos recém corrigidos.

As áreas de de maior fertilidade demonstram, com clareza, o grande potencial produtivo.

Estamos muito satisfeitos com o desenvolvimento e com a resistêcia dos clones à doenças e, também, com a assistência técnica oferecida pela Bela Vista.

Plantamos 150 ha e estamos confiantes em dobrar o plantio nos próximos 3 anos.

Foto: Cedro Australiano em Passa Tempo, MG. Clone BV 1321 com 17,5 meses .

Back To Top