skip to Main Content
Ministério Da Agricultura Outorga Certificados De Proteção Dos Clones De Cedro Australiano Da Bela Vista Florestal

Ministério da Agricultura outorga certificados de proteção dos clones de cedro australiano da Bela Vista Florestal

A Bela Vista Florestal está em festa. Depois da publicação no Diário Oficial da União, em maio de 2018, foram outorgados os certificados de proteção dos clones de cedro australiano pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – Serviço Nacional de Proteção de Cultivares. Com isso elas se tornam as primeiras meliáceas do mundo a contarem com tal certificação, que funciona como uma patente na agricultura.

Atendidas as disposições da Lei nº 9.456, de 25 de abril de 1997, e do Decreto nº 2.366, de 05 de novembro de 1997, e em vista da solicitação de proteção de cultivar, concede-se à Bela Vista Florestal o certificado de proteção de cultivar de Cedro Australiano (Toona ciliata M. Roemer var. australis) de seis cultivares/clones.

– BV 1110, BV 1120, BV 1321, obtidos com a participação do melhorista Eduardo de Castro Stehling; e

– BV 1121, BV 1151 , BV 1210 obtidos com a participação dos melhorista Eduardo de Castro Stehling e Lucas Rodrigues Rosado.

Para todos esses materiais, o direito de proteção se iniciou em 08 de dezembro de 2015 com o protocolo da proteção no Ministério da Agricultura. E é válido por 18 anos, expirando em 08 de dezembro de 2035.

“Para nós, da Bela Vista Florestal, essa é uma enorme vitória. Poucas são as espécies florestais que têm cultivares protegidas, e nenhuma outra espécie de meliácea. Isso atesta a seriedade, a complexidade e a competência do trabalho de todos os envolvidos no processo. Com a proteção garantida temos mais ânimo para seguir investindo, pois sabemos que nosso maior patrimônio está seguro”, comemora Ricardo Vilela, diretor da Bela Vista Florestal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top